LUTO NA MODA: O ADEUS A VIRGIL ABLOH E SUA ÚLTIMA COLEÇÃO PARA LOUIS VUITTON

terça-feira, 30 de novembro de 2021

Por Ednaldo da Fonseca

No último domingo, 28, perdemos um expoente da moda internacional: Virgil Abloh, morreu aos 41 anos, em decorrência de um angiossarcoma cardíaco, um tipo raro de câncer. Consagrado pelo trabalho com a multiplataforma criativa Off-White, fundada por ele depois de encerrar os trabalhos da sua primeira marca, a breve Pyrex Vision, sua carreira é marcada por um mix de elementos como música, streetwear e arte, que o levaram a colaborações com Kanye West com direito a indicação ao Grammy Awards em 2011, na categoria Best Recording Package. Em 2018, passou a integrar o poderoso grupo LVMH como diretor artístico do segmento masculino da Louis Vuitton.

Divulgação LVMH
Com a morte precoce, a casa francesa fundada no século XIX anunciou então que faria hoje uma apresentação especial em homenagem ao seu diretor. “Virgil esteve aqui. Em memória de Virgil Abloh, a Louis Vuitton presta homenagem à vida e ao legado de um gênio criativo com apresentação da sua coleção Primavera-Verão 2022 em Miami”, diz o comunicado. A apresentação, que acaba de acontecer, reuniu cerca de 1.500 convidados no Miami Marine Stadium, de acordo com Daniel Bergamasco, diretor de conteúdo da GQ Brasil que compareceu ao evento. Entre os convidados, Kim Kardashian, Kanye West, Maluma, Ricky Martin e o CEO da Berluti Antoine Arnault. De acordo com a Vogue Brasil, também presente por meio do editor de cultura e lifestyle Nô Mello, uma das arquibancadas do lugar foi toda grafitada por artistas locais, relembrando a conexão entre Virgil e a arte contemporânea. Tanto a GQ como a Vogue destacaram que a canção "Travessia" de Milton Nascimento tocou antes do desfile — contudo, destaco que, durante o show, ouvimos mais música brasileira com a canção "Tudo o que você podia ser", que também foi gravada por Milton Nascimento. Estavam previstos vinte e quatro looks para a apresentação, sendo quatorze inéditos; contudo a Vogue esclareceu que houve uma surpresa: a Louis Vuitton trouxe mais criações inéditas de Virgil Abloh, denominando-as "7.2". Vimos muita ousadia, looks arrojados, alguns monocromáticos, como o preto que introduziu o desfile. Mas teve muitas cores também: azul, verde, laranja, em uma coleção solar e intensa.  


Aliás, além do super show em Miami, muitas homenagens Virgil tem recebido desde sua morte. Além do tributo no Fashion Awards 2021, diversos nomes como Carla Bruni, Victoria Beckham, Pharrell Williams, Natalia Vodianova, Emmanuelle Alt, Maria Grazia Chiuri, dentre inúmeros outros se manifestaram. 

Naomi Campbell, por exemplo, compartilhou nas redes sociais dois vídeos: em um deles, um trecho de uma conversa com Virgil para a Vogue; no texto ela diz “seu impacto, seu alcance, sua influência, capturaram uma cultura pelo mundo”. No segundo, ela traz imagens do encerramento do primeiro desfile de Virgil no comando da Louis Vuitton: ele abraça o amigo Kanye West e ambos choram.

Naomi Campbell e Virgil Abloh. The Telegraph.

“Virgil, estou sem palavras.”, diz Donatella Versace nas redes sociais. “O mundo perdeu um superstar da moda. Um inovador. Um criador para os livros de história”, reflete a diretora artística da Versace.  

Edward Enninful, diretor da Vogue Britânica e diretor editorial da Vogue na Europa, disse nas redes sociais que Virgil “mudou a indústria da moda”, que “ele sempre trabalhou por uma causa maior do que a sua própria carreira ilustre: abrir a porta da arte e da moda para que as futuras gerações, ao contrário dele, crescessem em um mundo criativo com pessoas em quem se espelhar”, comentou.

A modelo Kendall Jenner disse: “Virgil ensinou a mim e a todos nós uma lição muito importante. Embora soubesse que tinha pouco tempo, ele foi brilhante, ele foi gentil e estava cheio de amor. Todos nós precisamos de um pouco de Virgil em nós. Ele nos deixa com sua influência, para criar e mudar o mundo. Você fez exatamente isso, Virgil.”


Kendall Jenner e Virgil Abloh durante o MET Gala em 2018. Reprodução Instagram.

O estilista e diretor criativo da Maison Valentino, Pierpaolo Piccioli, comentou: “quanto mais procuro as palavras certas para expressar meus sentimentos nesse momento, mais tenho essa lembrança dele, um jovem incrivelmente talentoso, designer, pai, artista, cheio de vida e criatividade, ele mudou o jogo da moda com sua curiosidade e sua humanidade disruptiva e eu tenho certeza que tudo isso ficará aqui conosco.”

Pierpalo Piccioli e Virgil Abloh. Reprodução Instagram.

As irmãs e modelos Gigi Hadid e Bella Hadid escreveram emocionadas sobre Virgil. “Estou com o coração partido pela perda do meu querido amigo e um amigo do mundo”, diz Gigi. “Ele foi 1 de 1. Sua bondade e generosidade enérgica deixaram uma impressão permanente em cada vida que ele tocou – ele fez com que todos se sentissem vistos e especiais.”, pontuou. 

Gigi Hadid e Virgil Abloh. Reprodução Instagram.

Bella comentou a importância de Virgil em sua vida: “você realmente me viu e me apoiou em todos os níveis. Como você fez com muitos de nós. Uma luz etérea. Você sempre inspirou a trabalhar duro e ser gentil. Não importa o que houvesse.”

Bella Hadid e Virgil Abloh. Reprodução Instagram.

Quem também se emocionou ao falar sobre a trágica perda foi a modelo Hailey Bieber, que, inclusive, casou com Justin Bieber usando um vestido assinado por Virgil. “Virgil mudou completamente a forma como eu olhava para a moda e o street style, a maneira como ele olhava para as coisas me inspirou profundamente. Nunca serei capaz de expressar totalmente o quanto sou grata por tê-lo conhecido e por ter trabalhado com ele, desde desfilar em suas passarelas até ter meu vestido de noiva desenhado por ele, e todos os outros momentos incríveis. Sentia que ele sempre estava torcendo por mim.”, lembra Hailey.

Hailey Bieber e Virgil Abloh. Reprodução Instagram.

Kanye West não poderia deixar de homenagear o grande amigo e parceiro criativo que, diante de tamanha e intensa colaboração em diversos projetos, tornou-se o diretor criativo da Donda, agência de conteúdo de Kanye. Em performance dedicada ao amigo, Kanye apresentou cover de Adele, “Easy”.

Que a sensibilidade e a grandeza de Virgil Abloh siga a nos inspirar.


Clique aqui para mais conteúdo sobre moda, cultura e lifestyle!

Nenhum comentário :

Postar um comentário